Ministério da Justiça deflagra operação Brasil Integrado em AL

Uma operação coordenada pelo Ministério da Justiça, denominado Brasil Integrado, foi deflagrada na manhã desta sexta-feira, 5, em vários bairros de Maceió e algumas cidades do interior, a exemplo de Arapiraca.

 

De acordo com as primeiras informações, foram expedidos 50 mandados de busca e apreensão e prisão. A ação conta com homens da Polícia Federal, Polícia Civil, Força Nacional e Polícia Militar. A ação vinha sendo planejada há dias, inclusive com a chegada de efetivo de fora do estado.

 

Os mandados estão sendo cumpridos em áreas consideradas críticas como Jacintinho, Benedito Bentes, Vergel, Ipioca e na periferia de Arapiraca e dizem respeito a diversos crimes, sendo cumprida inclusive em desfavor de pessoas que estão transitando pelo Estado.

 

Esta não é a primeira vez que a operação Brasil Integrado é realizada em Alagoas. Em novembro, uma ação conjunto de todas as polícias resultou na prisão de 24 pessoas, apreensão de 20 armas, 150 munições, além de 21 kg de maconha. Ao todo, mais de 600 homens participação da ação policial, que envolveu ainda a Polícia Rodoviária Federal.

Veículos terão placas padrão Mercosul a partir de 2016

A nova placa terá margem azul superior, com o emblema do Mercosul à esquerda e o nome do país ao centro

placasmercosul01denatrandivulgacaoOs veículos registrados a partir de janeiro de 2016 passarão a adotar placas no padrão Mercosul, com fundo branco, quatro letras e três números. O objetivo é facilitar a visualização e leitura das placas pelas fiscalizações eletrônicas, além de dificultar, com a ajuda de alguns dispositivos de segurança, eventuais clonagens.

 

A nova placa terá margem azul superior, com o emblema do Mercosul à esquerda e o nome do país ao centro. A bandeira nacional ficará à direita da placa, que terá, ainda, linhas onduladas horizontais e marcas d’água com a logo do Mercosul, gravadas na película refletiva. Ela valerá para o Brasil, Uruguai, Paraguai, a Argentina e Venezuela.

 

De acordo com o Ministério das Cidades, é alto o número de placas veiculares clonadas no Brasil. Segundo o ministério, normalmente a clonagem é feita por quadrilhas especializadas em roubo de veículos. Acrescenta que há um grande número de proprietários, que, para evitar multas, usam placas frias para driblar a fiscalização eletrônica.

 

Em nota, o ministério informou que, futuramente, será possível uma integração entre os dados dos países do Mercosul, o que permitirá controle mais rigoroso do transporte de cargas e de passageiros, além dos carros particulares. A resolução do Conselho Nacional de Trânsito, que estabelece o novo sistema de placas de identificação de veículos foi publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira.

 

Veja o novo padrão:

 

placa-mercosul

Câmara de Delmiro derruba Lei da CIP (Contribuição da Iluminação Pública)

Projeto foi reprovado por 6 votos a 3 em sessão agitadíssima.

Em sessão ordinária, a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia reprovou o projeto de lei nº 024/2014 que instituiria a CIP (Contribuição da Iluminação Pública). O serviço previsto no projeto de lei “compreende o consumo de energia elétrica destinada à iluminação de vias, logradouros e demais bens públicos, além da instalação, manutenção, melhoramento e expansão da rede de iluminação pública.”

 

Em uma sessão extremamente movimentada, estiveram presentes xx vereadores. O plenário da câmara foi tomado pela população, que se manifestou de forma pacífica e compreensiva. MST (Movimento Sem Terra), representantes do comércio, advogados, professores, entre outros seguimentos estiveram representados.

 

Votaram pela aprovação do projeto vereadores: Marcos Costa, Henriqueta Cardeal e Cacau. Deram voto contrário: Edvaldo Nascimento, Pedro Paulo, Kinho, Edmo Oliveira, Milton Lisboa e Geraldo Xavier. Seguindo o regimento, o presidente Valdo Sandes não proferiu seu voto, porém, após o encerramento da votação, discursou e colocou-se contra o projeto.

 

WP_20141204_006

Segundo o vereador Kinho a derrubada do projeto do executivo “foi uma derrota para o Prefeito Lula Cabeleira”. A votação se deu de forma aberta, ou seja, cada vereador proferiu seu voto de forma individual. Alguns preferiram, inclusive, anunciar seu voto na tribuna. “Se essa taxa de iluminação pública for uma doença, o remédio é o vereador Geraldo Xavier”, disse o edil ao anunciar seu voto contrário.

 

A notícia da derrubada do projeto se espalhou instantaneamente, causando uma grande euforia na população, no sentido de que a grande maioria dos moradores serem contra a volta da taxa. A câmara delmirense é muito questionada por algumas vezes ir de encontro à vontade popular, todavia, nesse caso, os delmirenses aplaudiram exaustivamente os vereadores.

 

Ainda não se sabe como o executivo vai reagir a derrubada, ainda não houve nenhum tipo de pronunciamento do prefeito, ou de algum representante do executivo, o que se espera é que a prefeitura se manifeste ou publique alguma nota através da imprensa.

 

Veja o resumo do momento da votação:

 

 

Fotos:

 

Pai do jovem ‘Jadinho Batera’ fala ao Radar 89 sobre a perda do seu filho

‘Cabelo’ aproveitou para agradecer a todos e convidar para a missa de sétimo dia que será realizado nesta quinta-feira (4).

10479730_601269709985998_6891345484442201225_nEm uma entrevista exclusiva ao programa e portal Radar 89 o pai do jovem ‘Jadinho Batera’ que morreu no último sábado (29) em um acidente automobilístico em Pernambuco, falou da falta que o seu filho está fazendo a família e amigos.

 

‘Cabelo’ como é conhecido, disse que desde a morte do seu filho, a rotina em sua casa mudou, pois o ‘Jadinho’ era à alegria de casa e que ainda a ficha não caiu, “para onde olho vejo o meu filho, é dentro de casa é no trabalho é aonde eu chego”.

 

Ao ser perguntado em uma palavra o que significava ‘Jadinho’ cabelo citou a ALEGRIA, inclusive, o pai citou que em Julho mês em que completou ano foi surpreendido com o seu filho que teria colocado uma toca em sua cabeça e tirado uma foto. (A foto em que ‘Cabelo’ se refere é a que destacamos no texto).

 

A família aproveitou também a entrevista para agradecer a todas as pessoas que deram força e participaram do sepultamento. Nesta quinta-feira (4), será realizada a missa de sétimo dia na Igreja Matriz, desde já a família enlutada agradece a presença de todos.

Cano adutor rachado causa desperdício de água

A pressão é tão forte que chega a molhar a pista que fica a quase 15m

WP_20141203_013Um cano estourado há mais de uma semana vem chamando atenção dos transeuntes que passam pela localidade. Se trata de um cano da CASAL (Companhia de Saneamento e Abastecimento de Alagoas), provavelmente advêm da adutora que leva água a cidade de Água Branca.

 

No local uma grande rachadura no causa jorra litros de águas incessantemente. O cano fica embaixo de uma ponte, as margens da AL – 145, entre Delmiro Gouveia e Água Branca, já próximo ao povoado Tabela.

 

Não se sabe ao certo o que pode ter motivado a rachadura. Nas imagens é possível claramente observar o tamanho do desperdício (Confira fotos abaixo).

 

A população fica preocupada, pois a CASAL vem sendo alvo de muitas reclamações, inclusive de falha no abastecimento; com o cano adutor rachado e jorrando o líquido precioso a situação pode se agravar.

 

 

 

Rodovia AL – 145 em péssimo estado de conservação

Em todo o trecho da rodovia é percebido uma série de crateras

WP_20141203_010Moradores, condutores, pedestres e turistas que trafegam pela AL -145 sofrem com a precariedade que encontra-se a rodovia estadual. Há centenas de buracos espalhados em todo o trecho que vai do povoado Maria Bode, município de Pariconha, até chegar em Água Branca. Em alguns casos, as crateras chegam a atrapalhar o fluxo dos veículos.

 

Perigo para motoristas, motociclistas e pedestres. Trafegando durante a noite, a péssima qualidade da sinalização aumenta o risco de uma queda de moto ou colisão, principalmente nos fins de semana e com a chegada do fim de ano, quando o tráfego de veículos aumenta substancialmente.

 

O quadro de urgência se confirma, pois a estrada é conhecida pelos graves acidentes que já foram registrados. Curvas bastante perigosas fazem com que a seriedade da situação se eleve. Surpreendentemente, os trechos da rodovia que mais são perigosos, são os que mais estão em más condições.

 

A rodovia AL – 145 começa em Delmiro Gouveia e vai até o município de Mata Grande, na divisa dos estados de Alagoas e Pernambuco. A rodovia é estadual, responsabilidade do DER – AL (Departamento de Estradas e Rodagem). Faz quase 2 anos que o trecho passou por reparos, a chamada operação “tapa buraco”, mas não foi suficiente para que a rodovia ficasse em bom estado.

 

Para os usuários da rodovia, falta força e vontade política por parte dos poderes municipais, especialmente o município de Água Branca que tem um dos maiores potenciais turísticos do sertão alagoano. Enquanto a situação não é resolvida o perigo se instala constantemente, colocando em risco a vida de quem precisa usar a rodovia.

 

 Mais fotos:

 

Água Branca: Estudantes reivindicam transporte para universidade

Alguns alunos gastam mais de R$100,00 mensais, só de transporte

água branca - capaVários estudantes universitários aguabranquenses, especialmente os que são acadêmicos da UFAL (Universidade Federal de Alagoas), Campus Sertão em Delmiro Gouveia, reclamam que a prefeitura não oferece transporte para todos os horários.

 

O governo municipal não é obrigado por lei a disponibilizar transporte para os universitários, porém, a prefeitura de Água Branca, assim como outros municípios fazem, disponibiliza um ônibus, o problema é que só o horário noturno é beneficiado.

 

Nos turnos matutino e vespertino os estudantes bancam individualmente o transporte para chegar a universidade. Alguns fretam carros, outros pagam passagem integral, alguns pedem carona, enfim. Há casos de alguns alunos em que por mês gastam mais de R$100,00, só de transporte, além das despesas com alimentação, textos, livros, entre outras.

 

A situação piora quando o aluno participa de projetos, monitoria, precisam ter acesso a biblioteca, e demais atividades que exigem que o aluno vá a universidade duas ou até três vezes ao dia, as despesas chegam a dobrar, principalmente o gasto com transporte.

 

Não se sabe o motivo dessa situação. Os estudantes pedem e esperam que a prefeitura se sensibilize e resolva esse impasse.

 

 

Mãe agradece solidariedade e diz: ‘Matheus Almí, meu filho descansa no Senhor’

{C10401AE-04D9-4DE7-A5FC-3F46B82A3372}_m ggg (1)De: Alba Valeria Santos Oliveira: Amados amigos, venho aqui expressar minha gratidão em nome da minha família a todos que foram solidários a nossa dor.

 

Matheus Almí, meu filho descansa no SENHOR.

 

HOJE 02/12/2014, completa 7 dias que ele partiu para a Glória do SENHOR e por este motivo venho aqui também convidar a todos para na noite de hoje, irmanados em CRISTO JESUS, celebrarmos este encontro com DEUS. Desde já agradecemos a todos que comparecerem.

 

CELEBRAÇÃO DE SÉTIMO DIA DE FALECIMENTO. IGREJA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS – EM ITAPARICA AS 19:30h

 

 

 

Da Redação: Matheus Almí Santos de Oliveira conhecido como “pavão” 19 anos, morreu numa colisão frontal entre um carro de passeio e um caminhã, na tarde de quarta-feira (26/11/14), por volta das 13h40, na BR-423 em Delmiro Gouveia, próxima a ponte metálica que faz divisa entre os estados de Alagoas e Bahia.

União repassa R$ 685,8 mi da complementação ao Fundeb

Valores estão disponíveis desde a última (2) nas contas correntes de estados e municípios beneficiários

Os recursos referentes à parcela de novembro da complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) estão disponíveis desde a última terça-feira (2) nas contas correntes de estados e municípios beneficiários.

 

No total, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) repassou R$ 685,8 milhões aos entes federativos na última sexta-feira.

 

Este ano, a complementação da União contempla dez estados e seus respectivos municípios, que não alcançam com a própria arrecadação o valor mínimo nacional por aluno estabelecido para 2014 – R$ 2.285,57. São eles: Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

 

Principal fonte de financiamento da educação básica pública, o Fundeb é formado por percentuais de diversos impostos e transferências constitucionais, a exemplo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Prazo para justificar ausência no primeiro turno termina nesta quinta-feira (4)

Requerimento pode ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal

abre_foto_fixaNa próxima quinta-feira (4), termina o prazo para justificar a ausência no primeiro turno da eleição deste ano. Para o segundo turno, o prazo vai até 26 de dezembro, 60 dias após o pleito.

 

O requerimento pode ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral em que o eleitor está inscrito.

 

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a justificativa de ausência deve ser acompanhada de documentos que comprovem a impossibilidade de comparecimento no dia da eleição, nesse caso, 5 de outubro.

 

O prazo de quinta-feira vale para os eleitores que não compareceram à seção eleitoral, nem justificaram a ausência no primeiro turno. O eleitor que deixou de votar no primeiro e no segundo turnos deverá apresentar a justificativa para cada turno separadamente.

 

Veja a lista de endereços dos cartórios eleitorais.