Deficiente mental é morto a pauladas em São José da Tapera

Corpo foi encontrado em terreno baldio e apresentava vários ferimentos que podem ter sido provocados a pauladas.

Crédito: Sertão 24 horas
Crédito: Sertão 24 horas

O jovem Luiz Carlos dos Santos, portador de deficiência mental foi morto brutalmente a golpes de pauladas na manhã deste domingo (09), em um terreno baldio, próximo à Travessa Bento Peroco, no bairro Dez, em São José da Tapera.

 

De acordo com a polícia o corpo do jovem foi encontrado por populares que passavam pela localidade, o cadáver estava com vários ferimentos que podem ter sido provocados pelas pauladas. Apesar das evidências, nenhum pau ou algo semelhante foi encontrado no local do assassinato, os moradores próximos da localidade informaram à polícia que não presenciaram a ação criminosa.

 

Os familiares do rapaz disseram para a reportagem que ele sofria de problemas mentais, inclusive era aposentado por invalidez. Eles disseram ainda que a última vez que viram o jovem com vida foi na noite do sábado (8), quando o mesmo saiu da residência de uns parentes, alegando que iria para casa.

 

Agentes policiais civis da Delegacia Regional de Polícia (2ª-DRP), sediada em Santana do Ipanema, estiveram na localidade e realizaram os primeiros levantamentos. Até o momento, não há suspeito do crime e o caso vai ser investigado pelo 38º Distrito Policial.

 

O corpo do jovem foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca.

Oito homens armados e encapuzados roubam veículo na BR-423 em Canapi

Os ocupantes da caminhonete hilux estava seguindo viagem para cidade de Caruaru – PE, quando foram surpreendidos pelos bandidos que estavam em outra caminhonete.

cariéOito homens fortemente armados e encapuzados roubaram na tarde deste domingo (9), por volta das 15h, em um trecho da BR-423 em Canapi, uma hilux de cor prata e placa JQI-6730, os bandidos fugiram tomando destino ignorado.

 

De acordo com a Polícia Militar os bandidos estavam em outra caminhonete quando anunciaram o assalto, os ocupantes da caminhonete hilux estava com destino a Pernambuco onde iriam realizar compras na cidade de Caruaru quando foram interceptados pelos criminosos. O 9º Batalhão de Polícia Militar (9º-BPM) foi acionado através da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Posto de Carié.

 

Guarnições do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) e Rádio Patrulha se deslocaram até o povoado Maria Bode onde foi feito um bloqueio porém não houve êxito.

 

O proprietário do veículo junto com os ocupantes da caminhonete roubado foram conduzidos para Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia para a feitura do Boletim de Ocorrência.

Colisão frontal entre van e motocicleta deixa duas pessoas mortas no sertão alagoano

Acidente aconteceu no povoado Cacimbas, zona rural de São José da Tapera. Os ocupantes da van ‘sprinter’ são três delmirenses eles tiveram apenas escoriações leves.

acidente_van_taperaA colisão entre uma motocicleta e uma Van resultou na morte de duas pessoas, na noite deste sábado (8), por volta das 18h30, em um trecho da AL-220, nas proximidades do Povoado Cacimbas, zona rural de São José da Tapera. As vítimas foram identificadas como Flávio Santos da Silva, 27, e Edivilson Silva. Os ocupantes da van são três delmirenses, eles tiveram apenas escoriações leves.

 

O motorista da Sprinter de cor branca e placa OHC-4580/AL de prenome Bruno relatou com exclusividade ao portal Radar 89 que estava vindo de São José Tapera para Delmiro Gouveia, quando percebeu que uma motocicleta honda CG de cor verde e placa DHI-2730/PR com o farol desligado estava vindo em alta velocidade em sua direção, Bruno disse que tentou desviar, mas acabou colidindo de cheio na motocicleta. Os outros dois ocupantes da van foram identificados como Luciclédio e Lindacir.

 

O condutor da moto Flávio morreu na hora, Edivilson o passageiro que também morreu na hora foi parar embaixo da van e sofreu várias queimaduras provocadas pela temperatura do motor do carro.

 

Crédito: Sertão 24 horas
Crédito: Sertão 24 horas

 

Os dois eram do Sítio Bonome, zona rural de Tapera, inclusive testemunhas relataram ao condutor da van que eles estavam ingerido bebidas alcoólicas há dois dias.

 

Equipes da Delegacia Regional de Polícia (2ª-DRP) realizando os primeiros levantamentos, o corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca.

 

 

 

Errata – Durante a publicação desta matéria, o portal Radar 89 informou que o acidente teria sido envolvendo dois carros, mas logo a informação foi descartada através da Polícia Militar e dos ocupantes do veículo. 

 

Atualizada às 11h35

PM realiza blitz em Delmiro Gouveia e Mata Grande para combater a criminalidade

Na operação, foram abordados vários veículos, oito deles notificados por estarem estacionados em lugares não permitidos, três motos foram recolhidas para o batalhão.

Crédito: Ítallo Timóteo
Crédito: Ítallo Timóteo

Para combater a criminalidade em Delmiro Gouveia e Região o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º-BPM), tenente-coronel Joaz Fontes realizou na tarde desta sexta-feira (07) uma blitz na Avenida Presidente Castelo Branco. A ação se estendeu até a cidade de Mata Grande.

 

Na operação, foram abordados vários veículos, oito deles notificados por estarem estacionados em lugares não permitidos em estacionamentos em frente à caixa econômica em Delmiro Gouveia. Três motocicletas foram recolhidas para o Batalhão, sendo uma delas uma Shineray, onde o condutor levava uma criança menor de cinco anos.

 

Para o tenente-coronel Joaz Fontes o trabalho visa apreender armas, drogas, veículos irregulares, como também educar condutores e pedestres devido aos grandes números de acidentes quanto à segurança no trânsito. A ação policial teve apoio do tenente Tomé que auxiliou os trabalhos do comandante do batalhão.

 

Jovem delmirense acusado de vários furtos no sertão é preso

Cortesia PM/AL
Cortesia PM/AL

Policiais militares do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) e Rádio Patrulha do 7º BPM prenderam na manhã desta sexta-feira (07), por volta das 10h30, em Santana do Ipanema, o jovem delmirense Carlos Eduardo Ferreira da Silva, conhecido como “Nem”, 19, acusado de vários assaltos na região do sertão.

 

A prisão foi realizada depois que a guarnição policial recebeu a denúncia de que um homem teria tentado assaltar um estabelecimento comercial e tinha fugido na direção da rodovia que dá acesso à Olho D’água das Flores. Os policias realizaram buscas na localidade informada e conseguiram encontrar Carlos Eduardo que no momento da abordagem estava com uma pistola de brinquedo na cintura.

 

Cortesia PM/AL
Cortesia PM/AL

 

 

O preso foi levado para a Delegacia Regional de Polícia (2ª-DRP), sediada no município, onde confessou a tentativa de assalto da qual foi acusado. Além disso, foi levantado que o mesmo também é suspeito de outro roubo ocorrido há 10 dias na cidade e de outro crime semelhante praticado há um ano, em Delmiro Gouveia.

 

O acusado é morador de Olho D’água das Flores e foi autuado em flagrante pelos delitos cometidos. O mesmo ficou retido a disposição da Justiça.

Jovem é morto a pedradas e por pouco não tem a cabeça decapitada em Delmiro Gouveia

Cícero Francisco dos Santos, 19, é o mesmo que trocou tiros com uma guarnição do ‘Pelopes’ do 9º BPM no dia 20-02-14.

identidade
identidade

O jovem Cícero Francisco dos Santos, 19, foi morto brutalmente com golpes de faca peixeira e pedradas na noite desta quinta-feira (6), por volta das 19h, no povoado Juá zona rural de Delmiro Gouveia. Cícero era foragido da polícia, acusado de ter trocado tiros com uma guarnição do ‘Pelopes’ no dia 20/02/2014 no bairro Campo Grande.

 

De acordo com o chefe de operações, Flávio Moreira, da 1ª Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia, Cícero Francisco foi morto a pedradas e com golpes de faca peixeira, inclusive os assassinos tentaram decapita-lo, mas não conseguiram. O autor fugiu do local sem ser identificado.

 

O corpo foi trazido do local pela Guarda Municipal para o necrotério do Hospital Antenor Serpa e em seguida recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca.

 

 

Crédito: Ítallo Timóteo - Radar 89
Crédito: Ítallo Timóteo – Radar 89

 

Cícero Francisco é o mesmo que trocou tiros com uma guarnição do Pelotão de Operações Especiais ‘Pelopes’ do 9º Batalhão de Polícia Militar no dia 21-02-14 no bairro Campo Grande em Delmiro Gouveia.

 

Cícero foi apontado pelo Conselho Tutelar do município como sendo a pessoa que provocou uma queimadura em sua própria filha, uma criança de apenas um ano. Uma guarnição do Pelopes foi até o local, que ao perceber a viatura policial acabou atirando na direção dos policiais que revidaram da mesma maneira.

 

Em meio a um intenso tiroteio, Cícero teria passado por um beco de aproximadamente 50 centímetros de largura, local que dar acesso a um matagal por onde conseguiu escapar e até então não teria sido encontrado pela polícia.

Salva de tiros marca enterro do popular ‘sargento Júlio’ em Delmiro

IMG_5567Centenas de pessoas lotaram o cemitério Adonias Mafra Queiroz em Delmiro Gouveia para dá o último adeus ao saudoso Júlio Ferreira de Moraes de 77 anos mais conhecido como ‘sargento Júlio’ que morreu na noite desta quarta-feira (5), no Hospital Nair Alves de Souza em Paulo Afonso. O cortejo fúnebre percorreu o centro da cidade e teve a presença de várias autoridades policiais.

 

Na chegada ao cemitério Policiais Militares do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) do 9º Batalhão de Polícia Militar sob o comando do tenente Farias realizaram uma salva de tiros para homenagear o antigo militar.

 

Estiveram presentes o tenente-coronel Joaz Fontes comandante do 9º-BPM, Capitão Brito subcomandante, Major Leandro comandante da Guarda Municipal, além de militares e agentes da SMTT e Guardas Municipais.

 

Polícia frustra fuga em massa de presos da delegacia regional de Delmiro

Os detentos cavaram um buraco de trinta centímetros de diâmetro na cela ‘4’.

10555087_814111811974219_395545869_n
Ítallo Timóteo

Policiais civis da Delegacia Regional de Polícia (1ª DRP) de Delmiro Gouveia frustraram uma tentativa de fuga em massa de presos na noite desta quinta-feira (6), por volta das 18h15, os detentos cavaram um buraco de trinta centímetros de diâmetro na cela ‘4’.

 

O chefe de operações Flávio Moreira relatou com exclusividade ao portal Radar 89 que o buraco foi descoberto após uma varredura que é feita periodicamente nas carceragens da delegacia. A cela em que estava sendo cavado o buraco comporta apenas dois presos que são acusados de estupros. Os policiais acreditam que a investida frustrada tenha partido de outros detentos de outras celas.

 

A delegacia comporta um número de 32 presos à disposição da justiça, a cela que seria utilizada para fuga está isolada.

Operação conjunta da Promotoria e da Polícia Civil prende 12 pessoas

A operação cumpriu 50 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo juiz Diego de Araújo Dantas, na zonal rural, nos sítios Barriguda, Maniçoba e Bebedouro.

presos_operacao_santana (1)
Ascom PC/AL

Com o objetivo de combater o tráfico de drogas, o comércio ilegal de armas de fogo e os crimes de homicídio, roubo e receptação, o Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL) e a Polícia Civil realizaram, no início da manhã desta quinta-feira (06), em Santana do Ipanema, uma operação para o cumprimento de 50 mandado de busca e apreensão domiciliar que resultou na prisão de 12 pessoas e na apreensão de armas, drogas e veículos.

 

A ação foi coordenada pela promotor de Justiça Luiz Tenório, titular da 3ª Promotoria de Justiça de Santana do Ipanema, e pela delegada Ana Luíza Nogueira, coordenadora da Divisão de Polícia Judiciária da Área 1 (DPJA1). Participaram ainda da operação os delegados Emanuel David, Hugo Leonardo, Fábio Costa e Edberg Oliveira. Pela Polícia Militar, o capitão Winston de Santana Silva, comandante da Companhia da Caatinga, deu apoio operacional.

 

A investigação apurou que os acusados praticavam tráfico ilegal de drogas e comércio ilegal de armas de fogo e munições, bem como que as armas estavam sendo utilizadas por outros meliantes para a prática das mais variadas espécies de crimes naquele município. “Eles também têm envolvimento com assassinatos. Um dos presos, o Maciel da Silva, inclusive, tinha um mandado de prisão em aberto pelo assassinato de dois irmãos, aqui em Santana do Ipanema. O crime foi praticado há cinco meses. Prendemos 12 pessoas em flagrante delito e, o chefe do bando, conhecido como ‘Nego Cão’, conseguiu fugir. Vamos continuar na tentativa de localizá-lo”, explicou o promotor Luiz Tenório.

 

“A prisão dessa quadrilha era um dos nossos grandes objetivos. A detenção deles implica, certamente, na redução dos índices de criminalidade em Santana do Ipanema. Mas, apesar de parte desse bando estar preso, vamos continuar as investigações. Queremos dar mais segurança e proteção aos moradores daquela região”, declarou Ana Luiza Nogueira.

 

Detidos

 

Foram presos Jeferson Lima da Silva, 28; Marcelo de Lima Bezerra, 18 anos; Cícero Soares Costa Júnior, 24; Thiago Luis Mendes, 20; José Willams Costa da Silva, 21; José Nílson da Silva, o “Missinho”, 36; Sebastião Márcio dos Santos, 73; Robério Nascimento Ferreira, 24 anos; Maciel da Silva, “Marcinho”, 21 anos; Adsson Freire, 56; Alan Alves da Silva, 25; Maria Lúcia dos Santos, 57.

 

José Nílson da Silva era um dos homens mais importantes na hierarquia da organização criminosa. Com ele foram apreendidos vários cartões do Bolsa Família. “Como algumas pessoas não conseguiam pagar suas dívidas com o tráfico, ele pedia o cartão como garantia do pagamento”, acrescentou o promotor de Justiça.

 

A investigação também comprovou que, para garantir o ‘respeito’ na região, a quadrilha aterrorizava a população dos mais diferentes bairros de Santana do Ipanema, mediante a utilização ostensiva de armas de fogo de variados calibres. Para manterem o sigilo sobre suas respectivas identidades e condutas, ameaçavam os moradores, determinando a morte daqueles que não lhes obedecessem.

 

Para o promotor de Justiça Luiz Tenório, o tráfico ilegal de drogas é um grande problema social, que causa estragos irreparáveis e potencializa conflitos que se degeneram com muita facilidade na ocorrência de outros crimes a exemplo de furtos, roubos, receptação e homicídios.

 

“O tráfico destrói a célula que representa a base da sociedade, que é a família, sendo urgente, pois, que seja tratado com maior atenção pelo Estado, já que a violência das ruas também é levada para dentro dos lares. É inquestionável que o comércio de drogas ilegais origina danos sociais irreparáveis, com implicações imediatas, haja vista que gera usuários com alto nível de compulsividade, propensos a destruírem seus laços familiares e de sociabilidade e que rompem seus compromissos com os estudos e com o trabalho. Há ainda a violência dos embates gerados na dinâmica do ilegal mercado, que está entre as ameaças mais devastadoras da vida moderna”, argumentou o promotor.

 

A ação ainda apreendeu maconha, cocaína, sete armas de fogo, dezenas de munições, facões e duas motocicletas.

 

Os crimes

 

Os fatos decorrentes da investigação se caracterizam pelos crimes tipificados nos artigos 121, § 2º, inciso I, 157, § 2º, incisos I e II, e 3º, todos do Código Penal (homicídio qualificado, roubo circunstanciado e latrocínio), pelos artigos 12 e 14, caput, e 17, todos da Lei nº. 10.826/03, que trata da posse ilegal de arma de fogo de uso permitido e comércio ilegal de arma de fogo, bem como no Art. 33, caput, da Lei nº 11.343/06, do tráfico ilegal de drogas.

 

 

Polícia procura homem acusado de vários crimes em São José da Tapera

Luiz Edmário Nunes, 25, tem várias passagens pela polícia e conseguiu fugir duas vezes do Sistema Prisional

56e443fef29e0f2393f3c3b0036b9ae1A Polícia Civil de Alagoas está à procura de Luiz Edmário Nunes Santos, 25, foragido do Sistema Prisional. Acusado de vários crimes entre eles homicídio qualificado, roubo a estabelecimento comercial , estupro e latrocínio, o jovem já fugiu duas vezes do presídio.

 

De acordo com a Polícia, Luiz Edmário é suspeito, ainda, de dois assassinatos ocorridos recentemente na cidade de São José da Tapera. Além disso, ele é apontado como o responsável por uma tentativa de homicídio, também ocorrida no município.

 

A polícia pede para que se alguém tiver informações sobre o paradeiro de Luiz Edmário pode ser repassadas para a Delegacia de Arapiraca (3530-2747), para o 38º DP de São José da Tapera (3622-1259) ou para o Disque-Denúncia da Polícia Civil (181), seu anonimato será garantido.