Empresária de Delmiro Gouveia sofre sequestro relâmpago em Paulo Afonso

 

Imagem Ilustrativa
Imagem Ilustrativa

Por volta das 16:40 desta quinta-feira (02), a empresária de nome Wilma, proprietária da loja ‘Abrenda’ da cidade de Delmiro Gouveia-AL e o seu  funcionário Alex Lozacco sofreram um sequestro relâmpago em Paulo Afonso – BA.

 

Segundo informações conseguidas com exclusividade pelo portal ‘Ozildo Alves’, a empresária foi a Paulo Afonso para fazer uma entrega na residência de uma cliente localizada no Acampamento Chesf, logo depois que deixou a casa em seu veículo, um Corolla branco, foi surpreendida e abordada por dois elementos armados.

 

Os bandidos anunciaram um assalto, colocaram as vítimas no banco de trás do Corolla se e evadiram do local. Várias unidades da polícia militar foram acionadas e mobilizadas no para encontrar os ladrões e resgatar os reféns.

 

Felizmente, no início da noite, a polícia recebeu a informação da própria família da empresária, de que as duas vítimas já estavam em casa e que tinham sido liberadas em um trecho da BR-110, próximo da cidade de Jeremoabo.

 

Instantes depois, através de algumas buscas, a polícia conseguiu localizar o Corolla que havia sido abandonado em Jeremoabo pelos meliantes.

 

Foram levados da empresária e do funcionário aproximadamente R$ 400,00 (quatrocentos reais) em dinheiro, dois aparelhos celulares e vários produtos (roupas) da loja.

 

As polícias de Delmiro Gouveia e de Paulo Afonso vão investigar o caso.

Mãe denuncia filho por jogar caixão no quintal da casa dela

A mulher – cuja identidade não foi revelada – contou que se assustou ao se deparar com o objeto no quintal e foi informada por vizinhos de que o filho teria sido o responsável pelo ato

Sertão 24 horasA Delegacia Regional de Santana do Ipanema registrou uma ocorrência inusitada na tarde de ontem (30). Uma mulher procurou a polícia para denunciar que o próprio filho jogou um caixão no quintal da residência dela, em uma espécie de ameaça.

 

A mulher – cuja identidade não foi revelada – contou que se assustou ao se deparar com o objeto no quintal e foi informada por vizinhos de que o filho teria sido o responsável pelo ato. Ela relatou ainda que o jovem é usuário de drogas e já a agrediu fisicamente algumas vezes.

 

De acordo com a polícia, o caixão de cor branca foi furtado de um cemitério da cidade. Os policiais realizaram buscas, mas até o momento o acusado não foi localizado.

DNIT promete fazer quebra-molas e manifestantes liberam BR-423 em Inhapi

Representantes do DNIT pautaram para próxima segunda-feira (6) uma reunião no escritório, onde possivelmente será assinado a documentação para a autorização da construção dos quebra-molas.

Crédito: Ítallo TimóteoMais de 10 horas se passaram e os manifestantes com o apoio do Movimento Sem Terra (MST) que bloquearam um trecho da BR-423 no povoado Leobino em Inhapi na manhã desta segunda-feira (1), liberaram pro volta das 15h30, o tráfego após o comparecimento de representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

 

Durante a conversa com os manifestantes, os representantes do (DNIT) pautaram para próxima segunda-feira (6) uma reunião no escritório em Santana do Ipanema, onde possivelmente será assinado a documentação para a autorização da construção dos quebra-molas.

 

Discussão:

 

Segundo um manifestante, por volta das 11h, um adolescente teria desacatado um policial militar e acabou sendo apreendido o que revoltou os manifestantes, mas após a chegada do Batalhão de Choque da Polícia Militar os ânimos  foram acalmados.

 

Relembre o caso:

 

Moradores de Inhapi com o apoio do Movimento Sem Terra (MST) fecharam desde a 5h da manhã desta quarta-feira (1), um trecho da BR-423 no povoado Leobino zona rural do município. Os manifestantes reivindicam quebra-molas no mesmo trecho em que aconteceu o acidente que matou pai, mãe e filho, na ultima segunda-feira (29).

 

Os manifestantes colocaram pneus queimados, pedras, placas e madeiras para interditar a rodovia, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do posto Carié o congestionamento sentido Delmiro/Inhapi chegou a quatro quilômetros, já Carié/Inhapi chega aos três quilômetros.

 

Cerca de trezentas pessoas participam da manifestação, a reportagem do Radar 89 apurou que o enterro de Ricardo Queiroz, Kaliane e seu filho de quatros anos mortos no acidente, foram sepultados na manhã desta quarta-feira no cemitério municipal de Inhapi. Inclusive o cortejo fúnebre passou no local da manifestação o que revoltou ainda mais os manifestantes, no local do acidente foi encontrado um pedaço do crânio de algumas das vítimas do acidente.  A reportagem apurou também que o Radar eletrônico estava sendo apedrejado pelos manifestantes.

 

Guarnições do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) e Rádio Patrulha do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º-BPM) estão no local dando apoio aos patrulheiros federais.

 

Nossa reportagem conversou com o patrulheiro rodoviário federal “Do Vale” que informou que a superintendência da PRF está em reunião com Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para ser feitos os quebra-molas que os manifestantes reivindicam.

 

 

 

Marcelo Lima relembra caso: ‘foi muitas vezes incompreendido’

Fernando Aldo foi morto há 7 anos
Fernando Aldo foi morto há 7 anos

Os sete anos da morte do vereador por Delmiro Gouveia,  Alagoas, Fernando Aldo Gomes Brandão, crime praticado na madrugada de 1º de outubro de 2007 em Mata Grande foi lembrada nesta quarta-feira (01) por amigos e familiares.

 

Nas redes sociais também houve manifestações, entre elas, uma postagem do ex-prefeito de Delmiro Gouveia, Marcelo Lima. “Fernando Aldo guardava sinceridade, foi muitas vezes incompreendido por isso”, escreveu o radialista anexando a cópia de um ‘santinho’ (propaganda eleitoral) em que aparece ao lado da vítima quando os dois eram candidatos e aliados políticos na campanha política de 2004.

 

Porpaganda com os então candidatos a prefeito, Marcelo Lima e a vereador Fernando Aldo, na campanha de 2004, ambos foram eleitos.
Porpaganda com os então candidatos a prefeito, Marcelo Lima e a vereador Fernando Aldo, na campanha de 2004, ambos foram eleitos.

 

Fernando Aldo Gomes Brandão foi morto na madrugada de 01 de outubro de 2007, na cidade de Mata Grande, após participar de uma das maiores festa da região, o Mata Grande Fest.

Alagoano é preso acusado de roubar carga avaliada em R$ 321 mil

O alagoano de 34 anos foi preso em flagrante em um galpão no município de Caruaru

delegados_roubos

O Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri) apresentou, na manhã desta terça-feira, detalhes sobre uma operação que conseguiu recuperar 325 máquinas de lavar roupas. A carga, avaliada em R$ 320 mil estava em poder do taxista Luis Fernando de Oliveira Santos, de 34 anos.

 

O alagoano de 34 anos foi preso em flagrante em um galpão no município de Caruaru, utilizado pela quadrilha responsável pelo roubo. Com ele, a polícia encontrou um revólver calire 38 com oito munições. Segundo a polícia, Luis era foragido da Justiça de São Paulo onde teria sido autuado por roubo. Ele foi levado ao Centro de Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife, onde ficará à disposição da Justiça.

 

A carga de eletrodomésticos havia sido roubada na BR-101, no município de Xexéu, na Mata Sul de Pernambuco. O caminhão que levava 325 máquinas de lavar da cidade de Rio Claro em São Paulo com destino a Alhandra, na Paraíba, foi interceptado por cinco assaltantes na sexta-feira passada.

 

A polícia continua os trabalhos para tentar capturar os demais integrantes do grupo especializado em roubos de cargas.

 

Histórico de crimes

 

Luis Fernando cumpria pena em regime semiaberto no Estado de São Paulo, por roubo de carro e fugiu em abril de 2011, durante indulto de Páscoa. Pelos cries que lhes foram imputados, o alagoano foi indiciado por roubo triplamente qualificado, porte ilegal de arma e formação de quadrilha. As penas somadas podem totalizar até 24 anos de prisão.

 

Até o julgamento, Luiz Fernando ficará preso em Pernambuco e depois terá a pena unificada.

 

Beatriz Alencar teria utilizado rede social para se despedir da mãe

Adolescente de 17 anos tinha publicado uma frase com foto de sua mãe em seu perfil do Facebook.

IMG-20141001-WA0007Uma mensagem publicada em uma rede social está chamando a atenção da população casadense, a adolescente Beatriz Alencar, 17, que morreu na tarde desta terça-feira (30), em um acidente automobilístico, teria usado o seu perfil no Facebook para fazer declaração para sua mãe em forma de adeus.   A jovem teria publicado na ultima sexta-feira (26) às 15h16, a seguinte frase: Mãe posso tentar fazer tudo para retribuir o que você fez por mim, mas sei que não vou conseguir nem chegar perto, então mesmo assim, queria deixar registrado todo o amor que eu sinto por você, Te amo muito, minha Rainha, finalizou a frase postando uma foto de sua genitora.   A reportagem do Radar 89 apurou com moradores de Olho D’água do Casado que a cidade está de luto. Parentes, amigos e familiares lotaram a residência dos pais de Beatriz para deixar a sua homenagem em despedida da adolescente.

 

Moradores fecham BR-423 e pedem construção de quebra-molas em Inhapi

Manifestação se iniciou na manhã desta quarta-feira (1) após a morte pai, mãe e filho de quatros anos.

20141001_092815Moradores de Inhapi com o apoio do Movimento Sem Terra (MST) fecharam desde a 5h da manhã desta quarta-feira (1), um trecho da BR-423 no povoado Leobino zona rural do município. Os manifestantes reivindicam quebra-molas no mesmo trecho em que aconteceu o acidente que matou pai, mãe e filho, na ultima segunda-feira (29).

 

Os manifestantes colocaram pneus queimados, pedras, placas e madeiras para interditar a rodovia, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do posto Carié o congestionamento sentido Delmiro/Inhapi chegou a quatro quilômetros, já Carié/Inhapi chega aos três quilômetros.

 

Cerca de trezentas pessoas participam da manifestação, a reportagem do Radar 89 apurou que o enterro de Ricardo Queiroz, Kaliane e seu filho de quatros anos mortos no acidente, foram sepultados na manhã desta quarta-feira no cemitério municipal de Inhapi. Inclusive o cortejo fúnebre passou no local da manifestação o que revoltou ainda mais os manifestantes, no local do acidente foi encontrado um pedaço do crânio de algumas das vítimas do acidente.  A reportagem apurou também que o Radar eletrônico estava sendo apedrejado pelos manifestantes.

 

Guarnições do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) e Rádio Patrulha do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º-BPM) estão no local dando apoio aos patrulheiros federais.

 

Nossa reportagem conversou com o patrulheiro rodoviário federal “Do Vale” que informou que a superintendência da PRF está em reunião com Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para ser feitos os quebra-molas que os manifestantes reivindicam.

 

 

Acidente mata adolescente de 17 anos em Olho D’água do Casado

Beatriz Alencar morreu após uma parada cardíaca quando era levada para o hospital de Santana do Ipanema.

FacebookUma adolescente de 17 anos morreu em um acidente automobilístico na tarde desta terça-feira (30), por volta das 12h40, no município de Olho D’água do Casado, a vítima foi identificada apenas como Beatriz Alencar.

 

De acordo com informações de populares, Beatriz Alencar conduzia uma motocicleta não divulgada quando perdeu o controle e colidiu em um caminhão que estava estacionado em frente ao colégio municipal Antenor Serpa no centro da cidade.

 

Ainda de acordo com os populares o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e prestou os primeiros socorros, mas durante o trajeto para o hospital de Santana do Ipanema, ela teve paradas cardíacas e morreu. Beatriz Alencar teve várias fraturas expostas, a mesma conduzia amoto sem o capacete.

 

Várias manifestações estão sendo feitas nas redes sociais, inclusive em seu perfil no Facebook onde vários amigos que não esperavam a triste notícia deixam suas palavras de adeus a adolescente.

 

 

Irmãos são vítimas de tentativa de homicídio em Olho D’água do Casado

As vítimas são Fagner Guilherme da Silva, 20, já Josenildo Guilherme da Silva, 25, não ficou ferido durante os disparos.

Olho D'água do Casado - AL.Dois irmãos foram vítimas de um atentado a bala nesta segunda-feira (29), por volta das 20h, no município de Olho D’água do Casado, Fagner Guilherme da Silva, 20, levou um tiro e Josenildo Guilherme da Silva, 25, não foi atingido.

 

De acordo com a polícia os dois irmãos estavam juntos quando um homem não identificado se aproximou e efetuou vários disparos contra os dois, durante os disparos apenas Fagner Guilherme da Silva, ficou ferido.

 

Fagner foi socorrido e levado para o hospital de Piranhas, o estado de saúde dele não foi divulgado.

 

Não há informações sobre o autor do disparo e os motivos sobre a tentativa de homicídio, o caso será investigado pelo delegado Diego Ferreira titular da delegacia municipal.

Operação: cunhado de prefeito está entre assaltantes mortos

Crédito: Pelopes/Gecoc
Crédito: Pelopes/Gecoc

 

A segunda-feira, 29, foi marcada por uma intensa perseguição que resultou na morte de três pessoas, na prisão de outras três, além da apreensão de armas, dinamite e coletes balísticos no sertão do estado. A ação se iniciou por volta das 3h de ontem, quando policiais e bandidos realizaram uma troca de tiros, após a quadrilha explodir o cofre da agência do Banco do Brasil de Batalha.

 

Entre os mortos, foi identificado João Cesário, cunhado do prefeito de Igaci. Outro morador de Igaci, identificado como José Marcio de Jesus Mato, 35 anos, foi preso em Batalha com 3 folhas de cheque no valor de R$ 1.000,00 cada/ 3 folhas de cheques no valor de R$ 400,00 cada.

 

Na operação, também foram apreendidas duas pistolas 9 mm, um revólver calibre 38, uma espingarda calibre 12, quatro bananas de dinamite e quatro coletes à prova de bala. O bando ainda possuiria quatro fuzis, que não foram apreendidos.

 

O bando estava sendo investigando há três meses. Eles foram os autores do assalto à agência do Banco do Brasil de Inajá, em Pernambuco, quando, inclusive um policial foi morto. Os integrantes da quadrilha são oriundos de Teresina (PI), Petrolina (PE), Garanhus (PE) e Lagoa da Canoa (AL).

 

Os corpos dos assaltantes foram encaminhados para o IML de Arapiraca e os presos deverão ser levados para o sistema prisional de Alagoas. O bando contaria com mais de 12 elementos.