Alfredo Gaspar Mendonça diz que” bandido em Alagoas tem dois caminhos: ou se entrega ou morre”

Por Blog do Bernadino | 4 de abril de 2015 às 8:41

1820091632481062009112413DSC_0331Em entrevista  a Radio Cidade FM, de Santana do Ipanema ao radialista Fernando Valões, o secretário de Defesa Social e Ressocialização, promotor de Justiça Alfredo Gaspar de Mendonça foi curto e grosso: “bandido em Alagoas na minha gestão só tem dois caminhos a seguir: ou se entrega indo para cadeia ou morre.”

 

E completou Alfredo Gaspar: “prefiro um milhão de bandidos mortos que um policial em Alagoas assassinado”. Ele ainda foi bem claro: ” não quero policial saindo de casa para matar bandido, quero que execute a prisão. Mas, no confronto preferiu o meu policial vivo”.

 

Secretário Alfredo Gaspar Mendonça constatou em Santana do Ipanema que em 65 dias já não foi registrado nenhum crime no município e os assaltos as lojas diminuiram consideravelmente.

 

Questionado sobre a possibilidade pressão política fazer mudança em delegacia na sua gestão, Alfredo Gaspar Mendonça disse, “não se pode fazer um bom combate, sem ser duro e dentro da lei”. ” Não estou na secretaria para sofrer nenhum tipo de pressão”, portanto “com o aval do governador Renan Filho na Segurança Pública não poderá haver jamais interferência de politico.

 

 

Doutor Alfredo Gaspar, declarou ainda “não tenho apego a cargo nenhum.” E tenho duas vertentes na minha gestão: a confiança do governador Renan Filho que deseja tirar o mais rápido possível da imagem que Alagoas é terra de bandido e acordar todos os dias só com um objetivo: fazer algo de bom para o meu Estado.

 

O secretário Alfredo Gaspar de Mendonça fazia 19 anos que não retornava a cidade de Santana do Ipanema. Ele recordou de sua satisfação ir novamente a região sertaneja, pois em 1996 iniciou sua carreira de Promotor Público nas cidades de Poços das Trincheiras, Ouro Branco e Maravilha.

 

” – Essa região sertaneja é de um povo pacato, de bem e trabalhador”, disse Alfredo Gaspar de Mendonça afirmando, “a população do bem de meu estado tem de ser respeitada e viver com dignidade.”

 

Na minha gestão na Segurança Publica vagabundo e desordeiro não terá vez, porque existe Lei.

 

Mais adiante,disse ele , o bom policial o estado não irá abandonar.

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.