Após um mês delmirense que levou seis tiros de pistola na cabeça não resiste e morre

Fato aconteceu no Povoado Várzea do Pico, município de Água Branca, jovem foi identificado como Jeferson José Silva, 21 anos.

Por Ítallo Timóteo | 24 de outubro de 2016 às 8:06

Após um mês o delmirense Jeferson José Silva, 21 anos, que foi baleado por seis vezes na cabeça, depois de uma discursão no Povoado Várzea do Pico, município de Água Branca, no Sertão de Alagoas, não resistiu aos ferimentos e morreu na tarde deste sábado (22), na Unidade do Estado (UE) Daniel Houly, em Arapiraca. Jeferson tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas.

 

Jeferson teria discutido com Carlos Henrique Feitoza de Lima, na madrugada do dia (19) de setembro, que teria sacado uma pistola beretta e disparado por seis vezes na cabeça do delmirense.

 

Após os disparos Carlos Henrique fugiu e Jeferson foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

 

Quatro dias depois o acusado se apresentou na Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia.

 

Em depoimento ele disse à polícia que atirou para não morrer. Leia a matéria completa, clicando AQUI.

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2024 Todos os direitos reservados.