Contrato de UTI Móvel para Delmiro Gouveia pode custar até R$ 330 mil reais

Por Emerson Emídio - Jornalista | 4 de junho de 2020 às 5:00




Crédito: Ronaldo Lima

Após o prefeito de Delmiro Gouveia, Eraldo Joaquim Cordeiro (PSD), anunciar o aluguel de uma UTI Móvel para ações de combate ao covid-19, o portal Radar Notícias teve acesso ao contrato, firmado no dia 29 de maio, com valor global de até R$ 330 mil reais.

A empresa contratada foi QUALIVITTA SERVIÇOS EM SAÚDE LTDA ME, inscrita no CNPJ/MF nº 19.685.979/0001-07, com a dispensa de licitação, em forma emergencial, por conta da pandemia.

O portal também apurou que a vigência do contrato é de três meses (noventa dias). Em contato com a gestão municipal, ela explicou que o valor do aluguel da UTI Móvel vai custar R$ 5 mil reais, mais um valor adicional de R$ 7 por cada quilômetro rodado.

Tendo em vista essa informação e fazendo um cálculo de deslocamento do município de Delmiro Gouveia, até a cidade de Maceió, que dá uma média de 300 km, cada viagem vai custar um valor de R$ 4.200,00.

Ainda de acordo com a gestão municipal, a estimativa de quilômetros a serem rodados por mês é de 15 mil, o que em valores representa R$ 105 mil reais, mais o valor do aluguel mensal da UTI, totalizando a possibilidade de serem pagos R$ 110 mil.

Mobilização da CDL  

Recentemente, a Câmara de Dirigentes e Lojistas (CDL) encabeçou uma campanha onde solicita leitos de UTI para o Sertão de Alagoas e, em específico, para Delmiro Gouveia.

O órgão distribuiu faixas pelas ruas da cidade, organizaram buzinaço e, nas redes sócias, mobilizam mais pessoas para apoiarem a causa.



Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.