Covid-19: Municípios do Sertão avançam para fase amarela e Maceió segue na bandeira azul

Por Redação | 24 de agosto de 2020 às 13:00

Foto: Ascom

As cidades localizadas na 9ª e 10ª Região Sanitária (Médio e Alto Sertão alagoano) vão avançar, a partir desta terça-feira (25), da fase laranja para a fase amarela do Distanciamento Social Controlado. A medida foi a principal mudança anunciada pelo governador Renan Filho durante coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira (24). Agora, todo o interior de Alagoas fica na bandeira amarela e Maceió segue na fase azul.

“Obviamente há uma clara involução do número de óbitos, principalmente na capital, o que nos permite dar novos passos”, ressaltou o governador. “Mas vamos continuar pedindo a colaboração do cidadão. O nosso sentimento é que a gente precisa manter as medidas de distanciamento social, continuar lavando as mãos e usar máscara ao sair de casa”, reforçou Renan Filho.

Ao lado do vice-governador Luciano Barbosa, do chefe do Gabinete Civil, Fábio Farias, do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, e do secretário de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques, o governador destacou o fato de a capital ter registrado apenas um óbito ao longo da última semana epidemiológica e de a taxa de ocupação geral de leitos estar abaixo de 40%.

“Esse gráfico apresenta a evolução da Covid-19 com redução significativa de mortes e do uso da capacidade hospitalar instalada, mas o estado segue com prudência para evitar que surjam novos surtos”, esclareceu o governador, ao reiterar outro papel fundamental da população: “O cidadão pode ajudar o Estado a fiscalizar. Pode denunciar e pode cobrar do seu interlocutor o uso de máscara”. “O cidadão é o protagonista desse desafio”, complementou o secretário Alexandre Ayres. “A gente vai seguir vigilante e firme até que surja uma vacina ou um remédio”, assegurou.

A lembrar que, na fase amarela, as regras estabelecem o funcionamento de bares, restaurantes, shoppings centers, galerias, centros comerciais e congêneres com 50% da capacidade; transportes intermunicipais e turísticos também com 50% da capacidade; templos e igrejas com ampliação para 60% do público; e lojas e estabelecimentos de rua acima de 400 m².

No caso de Maceió, a fase azul permite que bares, restaurantes, templos, igrejas e instituições religiosas em geral aumentem seu público para 75% do aforo total. Já as academias, clubes e centros de ginástica continuam operando com 50% da capacidade na capital alagoana. O transporte intermunicipal permanece com os atuais 50% de funcionamento da frota. E atenção: todos os setores autorizados a funcionar devem obedecer às medidas previstas no Protocolo Sanitário do Estado.

Escolas e eventos culturais

Durante a coletiva, o governador também falou sobre o retorno das aulas presenciais no sistema educacional. “Nós vamos aproveitar esse período até o final do mês de agosto para avançar nos estudos da educação. Primeiro, fazer uma compilação nacional das melhores experiências e das melhores práticas. Segundo, discutir com a comunidade educacional – o Estado vai ouvir professores, alunos e famílias para identificar o sentimento médio em relação ao retorno e, quem sabe, fazer uma gradativa abertura dos segmentos da educação”, considerou.

Teatros, cinemas e museus também seguem fechados, mas o Governo do Estado vai iniciar um amplo diálogo com todos os segmentos culturais para estudar uma volta gradual dos eventos. “A Secretaria de Saúde entende que o segmento deve ainda aguardar um pouco mais para que a gente observe o comportamento da pandemia nos próximos dias. Fazer evento privado neste momento não é recomendável – não só em Alagoas, mas no Brasil inteiro os eventos privados estão suspensos”, apontou Renan Filho.

*Com informações da Ascom Saúde 

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.