Doações do projeto Empresários do Bem já beneficiam mais de 41 mil alagoanos

Por Agência Alagoas | 25 de abril de 2020 às 2:00

Crédito: Jonathan Lins

Um canal entre quem quer ajudar e quem precisa ser ajudado. Foi dessa ideia que surgiu o projeto Empresários do Bem, uma iniciativa intermediada pelo Governo de Alagoas que reúne empresários de diferentes segmentos com o desejo de auxiliar a população mais carente no enfretamento da COVID-19. Hoje com um pouco menos de um mês de atuação, a ação já beneficia mais de 41 mil pessoas, por meio de mais de 40 instituições em todo o Estado, com a distribuição de alimentos e itens de necessidade básica.

Com a participação de quase 40 empresas, o projeto contabiliza 195 toneladas de alimentos distribuídos em cestas básicas, mais de quatro mil kits de limpeza, 12 mil garrafas de água mineral, 10 mil unidades de álcool em gel, além de materiais de higiene pessoal e equipamentos hospitalares. As doações são realizadas diretamente para as instituições, de acordo com o a demanda, necessidade de atendimento e grau de prioridade.

Além da capital alagoana, entidades dos municípios de Arapiraca, Joaquim Gomes, Marechal Deodoro, Craíbas, União dos Palmares, São Miguel dos Campos, Campo Alegre, Piranhas e Santana do Ipanema também estão entre as contempladas pela iniciativa. Atendendo mais de 24 comunidades na parte alta de Maceió e a região do Vergel ao lado de outras instituições, o Centro de Recuperação e Educação Nutricional – CREN/Nutrir – é uma das instituições atualmente contempladas com a distribuição de cestas básicas pelo projeto.

“Há 13 anos o CREN trabalha cuidando de crianças desnutridas que vivem em famílias de grande vulnerabilidade social. Na atual pandemia do COVID-19 temos mobilizado a sociedade civil, juntamente com outros parceiros, e já conseguimos distribuir quase 2 mil cestas básicas, além de itens de higiene e máscaras cadeiras. É muito importante contar neste momento com a ajuda de iniciativas como a do Empresários do Bem, porque a fome e a saúde não esperam”, destaca a presidente do CREN/Nutrir, Telma Toledo.

Mais sobre o projeto

Na liderança do projeto, intermediado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), estão empreendimentos de diferentes áreas de atuação. Entre eles: Solara, Pointer, Dragão, Krona, ZTT, Macarrão Pajuçara, Coca-Cola, Grupo Celebration, Casa Vieira, Sinduscon, AGS, Inovatti, Algás, Ambev, Pindorama, Plastec, Troia, Joplas, Coringa, Mili, Usina Caeté, Braskem, Sococo, Sindaçúcar, Mineração Vale Verde, Equatorial, Refresq, Diagnose, Verdes Mares, além da Associação do Comércio Atacadista e Distribuidor do Estado de Alagoas (Acadeal) e o Sindicato dos Postos de Combustíveis.

“Temos trabalhado diariamente fazendo a ponte entre os empresários e as instituições que estão mais carentes de itens de necessidade básica, que se tornam ainda mais essenciais neste período de combate ao coronavírus. A grande prioridade do projeto são as entidades que acolhem idosos, crianças, moradores de ruas ou que servem refeições cotidianamente. Apesar do momento difícil, é muito prazeroso ver de perto essa corrente do bem que se forma entre empresários, imprensa e poder público para ajudar a população alagoana”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael Brito.

As empresas que tiverem interesse em participar do projeto, podem entrar em contato pelos números: (82) 9.8833-4343 e (82) 9.8833-4545, ou através do site www.alagoascontraocoronavirus.com.br na aba “Central de Doações”.  O contato por telefone estará disponível no período de 8h às 12h e 13h30 às 17h.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.