Ex-secretário de Teófilo continua recebendo alto salário mesmo após deixar cargo

Por Sete Segundos | 5 de junho de 2019 às 20:52

 

O ex-secretário municipal de Agricultura, Roberto Amaral, foi exonerado do cargo em junho do ano passado, mas após um ano já recebeu mais de R$129 mil em salários. O levantamento feito pelo blog tem como base o portal de transparência do município.

 

De acordo com os dados, o salário de Amaral é de R$11.800, o mesmo valor que recebem os secretários municipais. O cargo é de Coordenador DS 1, que segundo a assessoria da prefeitura, faz parte do quadro de assessor técnico.

 

Enquanto alguns cargos são supervalorizados, outros passam por problemas, como os fiscais das Secretaria da Fazenda e Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente que perderam as gratificações, com a justificativa de “equilibrar as contas”.

 

Roberto Amaral é medico-veterinário e foi empossado na agricultura ainda em 2017 após o pedido de demissão do ex-vereador Júlio Houly. Porém, com as articulações visando a eleição passada, teve que ser exonerado para dar lugar a uma indicação do deputado Arthur Lira.

 

Em resposta, a assessoria da administração municipal enviou um comunicado: “O servidor citado ocupa o cargo de Assessor Técnico Especial I, código DS1, previsto pela Lei n° 3.294/2018, que dispõe sobre a reestruturação administrativa, organização, atribuições e funcionamento da Administração Pública Municipal de Arapiraca, aprovada pela Câmara Legislativa e sancionada em 30 de maio de 2018”.

 

O levantamento também revelou que outros dois nomes recebem os mesmos salários de secretários. O ex-superintendente da SMTT, Jodelmir Pereira, e o empresário Adoniran Guerra, que ocupou por algum tempo a coordenação municipal de licitações.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você é a favor do afastamento das autoridades de Delmiro Gouveia?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.