Faturamento do e-commerce cresceu 41% em 2020 no Brasil

Por Redação com Bahia.ba | 25 de março de 2021 às 19:00

Foto: divulgação Fecomércio

Com um total de 194 milhões pedidos, o faturamento do e-commerce cresceu 41% em 2020 no Brasil. Em cifras, o setor movimentou R$ 87,4 bilhões, o maior valor em 13 anos, conforme o relatório Webshoppers (compradores da web) 43, da Ebit/Nielsen e do Bexs Banco.

A alta – que alcançou 30% no número de pedidos – foi liderada pelas compras feitas por celular, responsável por 55,1% do movimento (ou R$ 45,9 bilhões). “A navegação pelo celular é muito mais acessível à maioria da população”, afirmou ao Broadcast do Grupo Estado, o head de e-commerce de Ebit/Nielsen, Marcelo Osanai.

O executivo destaca o salto dos estados do Nordeste na fatia total do varejo online de 18,5% para 31,7% em 2020. “O Sudeste também cresceu e representa hoje 52% do faturamento, mas o movimento do Nordeste mostra a força do processo de interiorização do e-commerce”, afirmou.

Por categoria, um dos crescimentos mais expressivos foi o de Casa e Decoração, que avançou 71% em número de pedidos e passou a representar 15% do total. Em faturamento, a categoria representa 12%.

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2021 Todos os direitos reservados.