Fim de semana violento: homicídios e tentativas são registradas no sertão de AL

Crimes foram registrados na cidade de Batalha, Delmiro Gouveia e Inhapi. Polícia Civil investiga os casos.

Por Ítallo Timóteo | 19 de dezembro de 2017 às 10:48

 

A onda de violência assustou o povo sertanejo durante o final de semana, homicídios e tentativas foram registradas em diversas cidades do interior de Alagoas. Entre as mortes está a do vereador Tony Carlos Silva de Medeiros, o ‘Tony Pretinho’ ocorrido na cidade de Batalha no Sertão de Alagoas.

 

O primeiro homicídio aconteceu na cidade de Delmiro Gouveia, onde um rapaz natural do Estado do Ceará, que trabalha como vendedor foi alvo de um possível latrocínio, ocorrido em uma estrada vicinal que dá acesso ao Distrito de Sinimbu. Até o momento, a vítima não foi identificada.

 

No mesmo dia, só que pelo período da tarde, outro vendedor foi assassinado, desta vez na cidade de Inhapi, a 35 quilômetros de Delmiro Gouveia. Bruno Andrade dos Santos, 27 anos, que também era vendedor, foi assassinado também em uma estrada vicinal, outro rapaz que estava com ele e não foi identificado foi atingido com disparos.

 

A sexta-feira, 15, terminou com mais um homicídio, desta vez na cidade de Batalha, a 90 quilômetros de Delmiro Gouveia. ‘Tony Pretinho’ que era vereador pela cidade, como também empresário do ramo de construção civil e Agente Penitenciário do estado, foi alvo de vários disparos de pistola 9mílimetro e espingarda calibre 12.

 

No último domingo, 17, mais um crime foi registrado na cidade de Inhapi, totalizando quatro. Manasses de Oliveira da Silva, transitava com sua moto em uma estrada vicinal, quando também foi alvo de um possível latrocínio. Os bandidos mandaram ele descer da moto e se deitar no chão, mesmo obedecido a ordem, os criminosos efetuaram tiros na cabeça, uma criança – sobrinha, de Manasses presenciou o crime.

 

O número pode ser ainda maior, isso porque um corpo foi encontrado no domingo, 17, pela manhã na zona rural de Pariconha, a vítima foi identificada como Renato Teixeira de Lima, que estava com uma perfuração de arma de fogo no peito. A polícia não descartou nenhuma possibilidade e para ter a certeza, aguarda o laudo cadavérico que irá comprovar se foi homicídio ou não. Próximo ao corpo, a polícia encontrou uma arma do tipo calibre 12 artesanal, que pode ter sido utilizada.

 

Além dos assassinatos, o sertão também registrou diversas tentativas de homicídios, entre elas a de três pessoas em um bar, onde era realizado um torneio de sinuca. Na ocasião pai e filho estão entre as vítimas, além de outro rapaz.

 

Os casos estão sendo investigados pela Polícia Civil de Alagoas que afirma que todos os crimes serão elucidados.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.