Governo destinará 250 mil cestas básicas para famílias alagoanas em extrema pobreza

Por Redação | 27 de maio de 2021 às 7:00

Imagem ilustrativa

O Governo de Alagoas fechou, nesta terça-feira (25), contrato para compra e distribuição de 250 mil cestas básicas a serem destinadas a famílias de todos os 102 municípios alagoanos que vivem em situação de extrema pobreza e estão inseridas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico). A medida faz parte do pacote de auxílio do Vacina Alagoas, programa lançado pelo governador Renan Filho em abril para ajudar os municípios a acelerarem a vacinação contra a Covid-19 e dar suporte às famílias mais necessitadas por conta da pandemia.

Compostas por 12 itens alimentícios, as cestas têm previsão de entrega já na primeira quinzena de junho. A secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Fabiana Pessoa, destacou a importância da ação social. “A assinatura deste contrato celebra o investimento em 250 mil cestas básicas que irão beneficiar famílias em situação de extrema pobreza de todos os municípios do estado. Por meio da Seades, o Governador Renan Filho assiste aos mais vulneráveis, visando diminuir o impacto da fome neste período de pandemia e contribuir para a segurança alimentar dos alagoanos”, assinalou a gestora.

Com investimento superior a R$ 17 milhões (R$ 17.275.000,00), a assinatura foi firmada entre a Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) e a empresa Nordeste Distribuidora de Alimentos Ltda. A proposta vencedora foi contratada pelo menor valor ofertado, por meio de dispensa de licitação, aprovada pela Procuradoria Geral do Estado de Alagoas (PGE-AL), de acordo com a Medida Provisória Nº 1.047, de 3 de maio de 2021.

Os municípios ficarão responsáveis por buscar as cestas básicas no local de distribuição, em Maceió, e o cronograma de entrega será definido entre o Gabinete Civil do Estado de Alagoas, a Seades e a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), em data a ser divulgada posteriormente.

Fonte: Agência Alagoas 

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2021 Todos os direitos reservados.