Irã anuncia que nível de enriquecimento de urânio no país não terá mais limites

Por Juliana Almirante | 5 de janeiro de 2020 às 22:17

O governo iraniano comunicou hoje (5), por meio de nota, que suas atividades de enriquecimento de urânio não irão mais respeitar mais o acordo nuclear de 2015, que limitava o nível de enriquecimento a 3,6%.

De acordo com o comunicado, a produção não terá mais restrições.

O anúncio foi feito depois que o Conselho de Segurança Nacional do Irã se reuniu de maneira emergencial para discutir a política nuclear do país depois da morte do general Qassim Soleimani, em um ataque aéreo americano em Bagdá, na última quinta-feira (2).

O acordo nuclear só vai ser cumprido, segundo o governo de Teerã, caso as sanções impostas pelos Estados Unidos contra o país sejam removidas e os interesses do Irã sejam garantidos.

O Irã ainda afirmou que a quantidade de urânio químico enriquecido armazenada em seus estoques também serão irrestritas.

O urânio de baixo enriquecimento é usado para produzir combustível para reatores, no entanto, tem potencial para produção de armas nucleares.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.