Mulher é assassinada a facadas e quase é degolada em Mata Grande

Crime brutal teria sido cometido pelo marido da vítima que é considerado foragido da polícia.

Por | 1 de março de 2015 às 11:16

Cortesia: Central do Sertão
Cortesia: Central do Sertão

A jovem Danilma Camilo Silva, conhecida como “Galega”, 21, foi brutalmente assassinada a facadas, no início da tarde deste sábado (28), por volta das 12h, em um trecho da BR-316, no Sítio Riacho Verde, zona rural de Mata Grande. O marido dela, identificado como Marcos Maciel Pereira, conhecido como “Marcos Maconha”, foi apontado por testemunhas como autor do crime.

 

O corpo de Danilma teria sido encontrado por populares, em um trecho não asfaltado da rodovia federal. Uma guarnição da 3ª Companhia de Polícia Militar do município foi acionada e esteve na localidade para os primeiros levantamentos.

 

Segundo o cabo Bernardo, a mulher quase foi degolada e a arma do crime, uma faca peixeira, foi encontrada próximo ao corpo. Ainda de acordo com o militar, foram realizadas várias diligências para prender o acusado, mas o mesmo não foi encontrado.

 

Veja matéria completa no Minuto Sertão

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.