Nutricionista do HEA indica alimentos que reforçam a imunidade

Por Redação | 20 de agosto de 2020 às 18:00

Foto: Davi Salsa

A pandemia do novo coronavírus modificou o modo de vida das pessoas. Para enfrentar a doença, adultos e crianças devem buscar uma alimentação equilibrada, que fortaleça o organismo e ajude a melhorar a imunidade para auxiliar na prevenção de infecções.

Por isso, a nutricionista Adna Araújo, do Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, alerta para o anúncio de produtos tidos como milagrosos, como chás e cápsulas no combate à Covid-19.

“Os bons hábitos de vida, com uma alimentação saudável, boa hidratação e ingestão de água, além de práticas de atividades físicas, sem o consumo abusivo de álcool e cigarros, podem ajudar a fortalecer o sistema imunológico contra qualquer doença”, explica a nutricionista.

Em relação ao consumo de alimentos, Adna Araújo recomenda que as pessoas coloquem no cardápio frutas e verduras ricas em vitamina A, como cenoura, abóbora e laranja. A nutricionista do HE do Agreste também sugere o consumo de frutas ricas em vitamina C, a exemplo de laranja, acerola e goiaba, entre outras.

Adna Araújo frisa que o organismo humano necessita de alimentos ricos em vitaminas do complexo B, B2, B3 e B6, orientando o consumo de grãos integrais, ovos e peixes. “Também é muito importante a pessoa ficar um tempo à exposição solar, preferencialmente cedinho da manhã. Isso é fundamental para o metabolismo ósseo e o sistema imunológico”, reforça a nutricionista.

Ela recomenda, ainda, a inclusão de fígado, gema de ovo, leite e iogurte no cardápio diário, que são ricos em vitamina D. “No consumo de alimentos, aconselhamos incluir fibras, como o bagaço da laranja e abacaxi, que auxiliam na digestão e favorecem a resposta do sistema imunológico diante infecções”, explica Adna Araújo.

*Com informações da Ascom Sesau 

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.