Paulo Afonso: HMPA passa por reestruturação e serviços são aprimorados

Por Ascom/PMPA | 12 de junho de 2019 às 7:03

Nos últimos seis meses já foram realizados mais de 50 mil procedimentos em várias especialidades (Foto: Ascom)

A Prefeitura de Paulo Afonso continua investindo para que o Hospital Municipal Aroldo Ferreira (HMPA), localizado no Bairro Tancredo Neves, siga prestando um atendimento de qualidade à população. O local abriga serviços em diversas áreas e especialidades e se prepara para receber uma Unidade de Pronto Atendimento (UTI) e um Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI).

O atendimento na unidade de saúde tem como prioridade a humanização dos serviços. “Desde a recepção, acolhimento, o paciente é acompanhado por uma equipe técnica e que vai prestar todo o suporte necessário”, afirma o secretário extraordinário de Gestão Hospitalar, Ghiarone Garibaldi.

Ainda de acordo com o secretário, o local passa por um processo de novas resolutividades. “Ou seja, deixar o paciente o menor tempo possível na unidade e isso se faz com gestão humanizada e pensando no bem coletivo”, reforça.

Com a chegada da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que vai abrigar 10 leitos e está sendo erguida em parceria com o Governo do Estado, a logística de pronto atendimento sofrerá algumas alterações.  “Hoje não temos uma emergência 24 horas e estamos preparando o hospital para esse tipo de atendimento. Alguns departamentos precisam sofrer algumas alterações, a exemplo da reanimação que vai ser adaptada para 10 leitos, além de reformar outras alas, tudo isso para que a gente interaja com a UTI”, enfatiza Ghiarone.

Os investimentos constantes refletem em milhares de procedimentos. Somente de novembro de 2018 a abril último, foram realizados mais de 50 mil atendimentos nas áreas de clínica, cirurgia e pediatria.

Com a reforma dessas áreas e a instalação de novos equipamentos, como aparelho para ultrassom, a obtenção de 45 camas elétricas e 45 poltronas reclináveis para acompanhantes, o HMPA amplia a oferta de atendimento prestado a população.

Centro de Diagnóstico por Imagem

O HMPA se prepara para receber um Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI). A ação é um investimento municipal e o local vai contar com exames de ressonância magnética, tomografia, ultrassonagrafia, eletroencefalograma, eletrocardiograma, raio-x digital, mamografia e densitometria óssea.

“Nosso CDI vai ser completo, pronto para atender os serviços de alta complexidade. Esses aparelhos vão mudar a realidade do tratamento por imagem em nosso município”, aborda Garibaldi.

Outra área que está sendo ampliada é a emergência infantil, que ganha seis novos leitos e uma sala de estabilização, garantido mais conforto e melhor atendimento para este público. A requalificação do HMPA engloba ainda a modernização da recepção geral, com a implantação de um espaço para o acolhimento das pessoas que ficam à espera dos pacientes, com a instalação de bebedouro e banheiro.

A qualidade dos serviços prestados pela unidade de saúde garante mutirões de cirurgias em parceria com o Governo do Estado. Em outubro de 2018, foi ofertado um mutirão de cirurgias eletivas, que contemplou cerca de 900 pessoas, sendo mais de 400 cirurgias realizadas no HMPA.

Sobre o Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), Ghiarone aponta que algumas melhorias serão implantadas. “É preciso se ter uma pronta resposta em todos os sentidos. Conversei com o prefeito e ele concordou que é preciso ser montada uma nova base, aprimorando ainda mais o serviço e contribuindo com a qualidade da assistência da população”, acrescenta.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você acredita que os vereadores de Delmiro Gouveia estão fazendo um bom trabalho?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.