Rapidinhas: agosto é o mês dos ajustes para o início da campanha de 2020

Por Redação | 3 de agosto de 2020 às 6:30




Foto: Divulgação

O mês de agosto chegou e com ele, a movimentação para o pleito que vai eleger vereadores, prefeito e vice, na Terra do Pioneiro, entra na reta decisiva. Vamos ficar atualizados com o cenário dos senadinhos, no quadro das Rapidinhas da Política.

Eleição atípica I

Imerso a uma pandemia, o pleito de 2020 promete ser uma grande caixa de surpresa. O fato é que, mesmo com a parcela de influência da capital, no Sertão, o isolamento trouxe informação e novos horizontes para o eleitor. Isso, nenhuma negociata tira.

Eleição atípica II

Uma prova disso é a falha na insistência de polarização do pleito na cidade. Isso ocorre, inclusive, tendo em vista o cenário de momento e o que as pessoas estão pensando. Sobre à pandemia, ela vai ter sua parte de influência, entretanto, com as novas mídias, as pessoas estão mais atentas ao passado e ao presente. Ponto para a democracia!

Novas pesquisas não divulgadas I

Sem sombra de dúvidas, uma boa parte dos leitores recebeu a visita, mesmo que distante por conta da pandemia, de pesquisadores. Eles estavam na busca para saber como as pessoas pensam e vão votar neste ano.

Novas pesquisas não divulgadas II

E as pessoas foram bem sinceras ao responder. Isso não foi bem visto por alguns pré-candidatos. Elas não foram cadastradas no Tribunal Regional Eleitoral e por esse motivo, não podem ser divulgadas. Uma pena, né?

Novas pesquisas não divulgadas III

Já para a Casa Legislativa, as pesquisas não divulgadas têm apresentado o aparecimento de pré-candidatos jovens e que vão disputar o pleito pela primeira vez, como bem cotados pela população. Esse pode ser um dos motivos para que as mesmas não sejam divulgadas. Há quem diga que já tem vereador pensando em arrumar as malas.

Composição de conjunturas I

Em torno da formação de chapas, cresce as apostas de quem vai formar com quem. Renato Torres (PSB), tem sido visto em várias visitas com Milton Lisboa, que é o mais cotado para ser o vice. Já no grupo da ex-prefeita Ziane Costa (MDB), após a cogitação do ex-vereador Valdo sandes para vice, surge mais um aspirante, o advogado Ailton Paranhos. Quem será que leva essa?

Composição de conjunturas II

Rodrigo Rocha (Avante) tem intensificado visitas e conversado sobre a candidatura. Junto ao médico Carlos, devem ser mais uma chapa para disputar à prefeitura. O atual gestor, Eraldo Cordeiro (PSD), ao que se dizem nos senadinhos, deve escolher Silvinho, ex-secretário da gestão, que desde de 2016 sonha em ser o candidato a vice-prefeito e compor a chapa. Até pesquisas com o nome do postulante foram realizadas. Eita, taquitá, como diz Claudia Leitte.

Composição de conjunturas III

Daniel Marques (PDT) também não anunciou o nome do candidato(a) a vice, mas informou à coluna que continua conversando com as pessoas. Gabriel Varjão (PTB) foi o primeiro a anunciar o vice, o conselheiro tutelar Jefter Rodrigues. Eles têm conversado com as pessoas e buscam outras alianças para a disputa. Com eles, estão o deputado estadual Antônio Albuquerque, o presidente da Arsal, Ronaldo Medeiros e lideranças do setor cristão.

Agora, você ficou bem informado sobre o desenho da eleição da nossa cidade. Dito isto, fica cada vez mais claro que o pleito de 2020 está longe de ser polarizado. Até a próxima.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.