“Redução de adicional noturno é arbitrário”, afirma Daniel Marques sobre projeto do Executivo enviado à Câmara

Por Redação Radar Notícias | 6 de novembro de 2019 às 20:30

Foto: Reprodução vídeo

Daniel Marques utilizou as redes sociais nesta quarta-feira (6), para repudiar o Projeto de Lei nº 020/2019 do Executivo que foi enviado à Casa Legislativa e que altera e revoga dispositivos na lei complementar nº 623, de 10 de março de 1993, que dispõe sobre o Regime Jurídicos Único dos servidores públicos civis do município de Delmiro Gouveia e dá outras providências.

De acordo com o servidor público, o projeto diminui de 50% para 20% o adicional noturno para servidores públicos. “Estou indignado com a forma que a gestão atual está tratando o servidor público. Essa medida afeta os trabalhadores do horário noturno”, afirmou.

Ainda de acordo com Marques, se a medida for aprovada, os servidores da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), motoristas, guardas municipais e vigilantes serão afetados. “O servidor público é responsável pelo funcionamento da máquina pública. E fazer isso com essa classe é o melhor caminho?”, emendou.

Daniel deixou uma mensagem e disse que repudia a ação. “Fica aqui meu repúdio e solidariedade aos servidores que vão ser prejudicados com esse projeto de autoria do prefeito”, elencou.

Para que o PL seja aprovado é preciso dos votos da maioria simples na sessão ordinária que vai ser realizada nesta quinta-feira (7), a partir das 10h.

Confira o vídeo

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está satisfeito (a) com a gestão do seu município?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.