Senado aprova Medida Provisória que autoriza privatização da Eletrobrás

Por Redação | 18 de junho de 2021 às 13:00

Foto: Divulgação/Eletrobras

Em uma votação apertada (42×37), o Senado aprovou nesta quinta-feira a Medida Provisória 1.031/2021, que autoriza a privatização da Eletrobras. Como houve alteração no texto aprovado na Câmara, a matéria vai ser reexaminada por aquela casa. O prazo para a votação se encerra na terça-feira (22). Caso contrário, a MP perde a validade.

Durante a discussão da MP, até mesmo parlamentares da base do Governo Federal tentaram adiar mais uma vez a votação. A principal mudança realizada no último relatório apresentado nesta quinta, foi a retirada da obrigatoriedade da contratação de termelétricas antes do início do processo capitalização da estatal. Assim, os leilões poderão ser realizados após a capitalização da Eletrobras, que nos planos do governo deverá ser concluída ainda no primeiro semestre de 2022.

O senador Marcos Rogério também voltou atrás sobre a possibilidade de estender até 2035 um programa de subsídios para a geração de energia elétrica por usinas termelétricas movidas a carvão mineral.

Fonte: CNN Brasil 

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2021 Todos os direitos reservados.