Veja dicas de cuidados com a alimentação durante o carnaval

Folia deve ser encarada como um exercício físico prolongado, por isso é importante estar bem alimentado e hidratado

Por Redação com Agência Alagoas | 5 de março de 2019 às 13:58

 

Seja em bloquinhos de rua e trios elétricos, nas passarelas, no frevo ou no maracatu, o carnaval já começou para mais um ano de folia. Para estar com o pique elevado e aproveitar o período de festas, manter a energia e o corpo saudável é essencial. Contudo, apesar de ser um momento de descontração, um descuido, principalmente com a alimentação, pode acabar com a folia momesca. Para não cair na armadilha da má alimentação e ter de interromper a brincadeira por causa de uma infecção intestinal, uma desidratação e até uma ressaca, algumas recomendações simples podem ajudar.

 

Nesta época, os foliões perdem bastante líquido e gastam muita energia por causa das altas temperaturas e da movimentação, tanto em bailes, avenidas, quanto no sobe e desce das ladeiras. Por conta disso, a regra básica da coordenadora do setor de Nutrição do Hospital Geral do Estado (HGE), Caroline Braga, é manter o corpo hidratado com sucos de frutas, isotônicos, água de coco e mineral, pois, além de o folião ingerir líquidos, estará suprindo a carência de minerais. A preferência é pelos sucos no lugar dos refrigerantes e cervejas.

 

De acordo com ela, o folião deve consumir pelo menos um alimento a cada três horas de folia, dando preferência às variedades de frutas ricas em vitamina C, como limão, kiwi, laranja, acerola e goiaba, que, por serem antioxidantes, protegem as células dos radicais livres, substâncias que provocam o envelhecimento celular e o aparecimento de câncer. Aos foliões que forem sair em blocos de rua pelo dia, Braga aconselha que eles levem uma garrafinha com isotônico natural para ir tomando durante todo o percurso, evitando, assim, a desidratação.

 

“Já para os que forem levar o próprio lanche, tenham atenção à perecibilidade, pois, nesse calor, os alimentos se estragam muito mais rápido. Caso optem por comprar no local da folia, é preciso muita atenção aos que têm uma boa procedência. Cuidado com as gorduras e as frituras, em especial com o queijo coalho e os churrasquinhos, visto que, se mal passados, eles podem ter microrganismos patogênicos que são prejudiciais à saúde”, recomendou.

 

Outra dica da coordenadora do setor de Nutrição do HGE é que, ao final da festa, os foliões priorizem as refeições leves, a exemplo dos carboidratos complexos (integrais) e proteínas (magras), evitando petiscos gordurosos e frituras, dando preferência aos salgados assados, castanhas e amendoins sem sal. “Dessa forma, eles poderão desfrutar da festa da melhor forma possível, chegando ao último dia sem prejuízos à saúde. E o mais importante de todas as dicas: se for dirigir, não beba”, orientou.

 

Deixe aqui seu Comentário

prefeitura delmiro
ENQUETE
  • Reforma da previdência, você é a favor ou contra?

    Resultado da Enquete

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.