Após investigação contra hackers, PC recupera conta de Instagram de prefeito

Por Redação | 9 de junho de 2021 às 12:00

A Delegacia Especial de Investigação e Capturas (DEIC), concluiu nesta segunda-feira (7), as investigações sobre o hackeamento do Instagram do prefeito de Palmeira dos Índios Júlio Cezar. O crime foi registrado às 19h11 da última quinta-feira (3). Hakers conseguiram roubar as senhas, ter o domínio do perfil e ainda tentar vender a conta da rede social do prefeito.

A responsável pela recuperação da conta  foi a equipe comandada pelo Delegado Xavier Caveira. O delegado e equipe são especialistas em crimes cibernéticos, e contou também com a ajuda do advogado criminalista Lucas Almeida. A investigação ainda segue em segredo até que os responsáveis pelo crime sejam pegos pela polícia. “Estamos lidando com quadrilhas internacionais”, disse uma fonte ligada à DEIC.

O delegado explicou como o trabalho foi realizado. “Foi um trabalho minucioso, apoiado pelo Instagram e as ferramentas técnicas da Polícia de Alagoas. Esse tipo de crime é cada vez mais comum, tem solução, tem punição e deixa rastro. Quem pensar em cometer alguma ação criminosa é bom pensar duas vezes porque vamos chegar aos responsáveis mais cedo ou mais tarde. O caminho legal é sempre procurar a polícia e registrar o fato, porque daí em diante passamos a agir com profundo rigor e sigilo”, disse Xavier Caveira.

Segundo Júlio Cezar, a internet não é mais território sem lei. “Graças ao trabalho da Deic, meu perfil foi recuperado. O doutor Xavier Caveira foi muito rápido e possui bastante experiência nesse tipo de crime. Quebra a cara quem pensa que pode se esconder por trás da internet. O advogado criminalista doutor Lucas Almeida também ajudou muito neste caso. Um inquérito foi aberto oficialmente e a gente está acompanhando, mas as investigações correm em sigilo. Quem roubou será pego, mais cedo ou mais tarde. A internet não é mais terra sem lei”, garantiu o prefeito.

Fonte: Ascom/ Prefeitura de Palmeira dos Índios 

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2021 Todos os direitos reservados.