“O serviço público nesse governo é odiado e maltratado”, diz o deputado Ronaldo Medeiros sobre o governo Bolsonaro

Por Ascom Ronaldo Medeiros | 19 de março de 2021 às 6:00

Foto: Ascom

O deputado estadual Ronaldo Medeiros fez duras críticas ao governo federal nesta quinta-feira (18) durante a Sessão Ordinária, na Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas. Medeiros expôs sua opinião sobre a PEC Emergencial 186, que traz um impacto negativo para os concursos públicos e dificulta o reajuste salarial dos servidores.

“Um governo desse ele já está dizendo para o que veio. Destruo o serviço público, acabo com aquele serviço que a gente presta as pessoas que menos possuem, como a Previdência Social que tem filas quilométricas hoje, de pessoas que precisam se aposentar, de pessoas esperando seu auxílio-doença, porque não tem quantitativo de médico, porque não tem servidor para analisar os processos”, diz o deputado.

O deputado estadual reflete sobre as ações do governo Bolsonaro e sua trilha de destruição pelo serviço público do país. A PEC 186 implicará diretamente no funcionalismo e novos concursos públicos. A justificativa do governo é de que esse ajuste fiscal é necessário para conter gastos e permitir a volta do auxílio emergencial. “Essa é a ajuda que o governo federal propõe. Quando o governo federal propõe ajuda aos estados já diz ‘eu ajudo, mas se você sacrificar, se você não fizer concurso, se você não der reajuste ao servidor público’”, completou o deputado.

Medeiros ainda criticou as ações do ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmando que ele apenas se preocupa em privatizar as estatais, como também exemplificou sobre as dificuldades enfrentadas nas universidades brasileiras, citando o descaso do governo federal com a Universidade Federal de Alagoas.

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2021 Todos os direitos reservados.