Mulher de 42 anos é presa com 26 pedras de crack em Delmiro Gouveia

Maria José dos Santos foi presa após várias denúncias

Por Redação - Ítallo Timóteo | 3 de setembro de 2014 às 15:12

Policiais Militares do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) e Rádio Patrulha do 9º Batalhão de Polícia Militar prenderam na tarde desta terça-feira (2), por volta das 16:30, Maria José dos Santos mais conhecida como “Bel”, 42, acusada de tráfico de drogas.

{CA5D449E-5212-4E63-B274-111DBD5EE30A}_mm g

O tenente-coronel Joaz Fontes, comandante do Batalhão informou com exclusividade ao portal Ozildo Alves que a prisão foi realizada após várias denúncias anônimas de uma residência, na Rua Joernicio da Silva, no Conjunto Habitacional Caraibeirinhas, com um grande movimento de pessoas suspeitas e usuários de drogas.

 

Guarnições do Pelopes e Rádio Patrulha foram até a residência para averiguar as denúncias e encontraram vinte e seis pedras de crack, dois gramas de maconha, um cachimbo e um rolo de papel alumínio que é utilizado para embrulhar as pedras de crack.

 

No momento da abordagem a casa estava com três pessoas, mas duas conseguiram fugir, a proprietária da residência, Maria José dos Santos foi presa em flagrante.

 

Na delegacia foi constatado que a mulher é irmã de João Balbino dos Santos conhecido como “Zequinha”, 49, preso no dia 21 de maio deste ano com quarenta pedras de crack.

 

 

 

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.