Suspeito de participar de homicídio é preso durante ação da 24ª-AISP em Delmiro Gouveia

Alan Jorge da Silva, é suspeito de participar da morte do jovem José Carlos da Conceição dos Santos, 20 anos, (Neguinho) morto no dia 15 de dezembro de 2015.

Por Ítallo Timóteo | 7 de janeiro de 2016 às 19:17

Crédito: Ítallo Timóteo - Radar 89
Crédito: Ítallo Timóteo – Radar 89

Uma ação da 24ª – Área Integrada de Segurança Pública (24ª-AISP), na tarde desta quinta-feira (7), por volta das 13h, resultou na prisão de um jovem identificado como Alan Jorge da Silva, 23 anos, acusado de liderar uma quadrilha de roubos de celulares e suspeito de participar do homicídio registrado no dia 15 de dezembro de 2015, contra a vida de José Carlos da Conceição dos Santos, 20 anos. O (Neguinho) como era conhecido, foi vítima de disparos de arma de fogo, seu corpo foi encontrado às margens do Anel Viário no Condomínio Rosa de Sharon em Delmiro Gouveia.

 

Em entrevista ao programa Radar 89 na Rádio Delmiro FM, o delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti, informou que o Serviço de Inteligência da Polícia Civil (1ª – Delegacia Regional de Polícia / 1ª-DRP) apurou que Alan Jorge teria participado do crime que foi motivado por pelo menos três pessoas.

 

“Testemunhas do crime informaram que Alan, teria atraído a vítima fatal para o local, chegando lá, cerca de duas pessoas o surpreenderam e efetuaram vários disparos de revólver calibre 38, (Neguinho), ainda tentou fugir, mas não obteve êxito, o crime pode estar ligado ao acerto de contas, uma vez que a vítima era usuário de drogas e também (aviãozinho) ou vingança”. Frisou o delegado batizado como (Xerife do Sertão).

 

De posse das informações, as equipes do Cabo PM Da Silva e do chefe de operações Flávio Moreira se deslocaram até o Bairro Ponto Chique e localizaram Alan Jorge em uma residência já conhecida pela polícia. O imóvel é o mesmo onde tombou um traficante identificado como (Gordo), após reagir a prisão. A polícia suspeita que a casa pertence a traficante (Gilvani) presa no ano passado, mas que se encontra em liberdade, respondendo pelo crime de tráfico de drogas e por ordenar homicídios na cidade.

 

Com Jorge a polícia encontrou dois celulares, ao ser indagado sobre os telefones, o mesmo informou que tinha comprado a um rapaz, os policiais foram até a residência do suposto vendedor, mas no local ele não estava e segundo a vizinhança a um bom tempo não morava ninguém no lugar informado. O que levantou ainda mais a suspeita dos policiais do rapaz ser envolvido com a quadrilha de roubos.

 

Celulares que a polícia suspeita ser provenientes de roubos foram recuperados. Crédito: Ítallo Timóteo - Radar 89
Celulares que a polícia suspeita ser provenientes de roubos foram recuperados. Crédito: Ítallo Timóteo – Radar 89

 

Alan foi conduzido para Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia, onde foi ouvido e autuado em flagrante por receptação. Lá também foi apurado que Alan já tem passagens pela polícia, ele participou de um homicídio contra um idoso, na oportunidade a vítima foi morta a pauladas. O motivo segundo o delegado, estaria relacionado a vingança, uma vez que a vítima era homossexual e teria tido relação sexual com Alan e outro rapaz, após o caso, o idoso não teria prometido com o que cumpriu e os jovens acabaram o matando.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.