Radar89 tem acesso a áudio de vendedor de pães dias antes de ser assassinado em Delmiro; ouça

Áudio de Lerinaldo foi enviado para uma irmã dele que reside no Maranhão, nesta quarta-feira, 15, ela resolveu repassar com exclusividade para o Radar89.

Por Ítallo Timóteo | 16 de fevereiro de 2017 às 9:05

Cortesia:
Cortesia:

Um áudio enviado com exclusividade para o portal Radar89 por uma irmã do vendedor de pães, Lerinaldo Conceição dos Santos, 45 anos, mostra o homem chorando e se lamentando, poucos dias antes de ser assassinado a tiros.

 

No áudio o homem começa dizendo:

 

“Me bateu a saudade, eu quero ir embora, não suporto mais esse sofrimento aqui, tô indo embora para o Maranhão, está decidido. Essa semana vou resolver umas coisas e vou embora para o Maranhão, passar uns meses com meus pais, e depois resolvo a minha vida. Não quero mais isso para minha vida não, vou abandonar tudo e vou embora, aqui para mim acabou, acabou tudo. Não vejo mais algo que me segure aqui em Alagoas, estou indo embora, esfriar minha cabeça, depois vou para São Paulo ficar com meus irmãos. Eu estava pensando aqui direitinho, acho que é a melhor opção da minha vida, já que não tenho família aqui, não tenho ninguém aqui, tô indo embora. Pretendo ficar aqui mais não. Cansei, cansei, não posso mais confiar em ninguém. O que me segurava aqui era minha família, mas perdi, agora só resta meus filhos,  então acho que a melhor opção é ir embora daqui. ”

 

A vítima finaliza o áudio que foi enviado para a sua irmã dizendo:  

 

“Estava analisando aqui, sozinho em casa, me bateu uma saudade do meu pai e da minha mãe. Eu vou passar uns tempos lá com eles e depois eu decido a minha vida. Não queria te falar, mas estou te falando. Não dá mais para ficar aqui não, hoje a pessoa não sabe mais em quem confiar, em quem acreditar, então estou decidido. E é assim mesmo, a pessoa vive e não sabe com quem vive, mora e não sabe com quem mora. Então é assim mesmo. ”

 

Investigações:

 

O delegado revelou a reportagem que existe duas linhas de investigações, a primeira seria passional, porém ele não quis revelar detalhes.

 

A outra linha de investigação é de vingança, o delegado revelou que ele tinha um atrito relacionado ao trabalho, mas também não revelou detalhes.

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2024 Todos os direitos reservados.