“A câmara não está sendo alvo de investigação e sim de adequação” diz nota da Assessoria

Na nota Assessoria de Comunicação explica que o Promotor apenas solicita a inclusão de mais ferramentas.

 

Depois de vários meios de comunicações divulgarem uma matéria informando que a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia estava sendo alvo de investigação. A Assessoria de Comunicação da Casa Legislativa se manifestou em uma nota oficial, onde diz: “No documento enviado ao presidente Ezequiel de Carvalho Costa, o Promotor Bolívar Cruz Ferro RECOMENDA que o site da referida Casa se ajuste à Lei de Acesso à Informação, à Lei da Transparência e à Lei de Responsabilidade Fiscal. A Casa não está sendo alvo de investigação, mas de ADEQUAÇÃO ao que preconiza a Lei.”

 

Na nota a assessoria explica que o Promotor apenas solicita a inclusão de mais ferramentas.

 

Confira a nota na íntegra:

 

“A Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia vem manifestar-se sobre a recomendação do Ministério Público encaminhada à Casa Legislativa no dia 19 de janeiro último. No documento enviado ao presidente Ezequiel de Carvalho Costa, o Promotor Bolívar Cruz Ferro RECOMENDA que o site da referida Casa se ajuste à Lei de Acesso à Informação, à Lei da Transparência e à Lei de Responsabilidade Fiscal. A Casa não está sendo alvo de investigação, mas de ADEQUAÇÃO ao que preconiza a Lei.

 

Apesar do portal da Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia ser um dos mais modernos do Estado, e conter página dedicada à transparência, o Ministério Público solícita a inclusão de outras ferramentas, e no ofício enviado ao presidente, o Promotor Bolívar solicita a sua adequação explicando, inclusive, que o Ministério Público se coloca disponível à realização do Termo de Ajuste de Conduta (TAC), onde se poderão definir prazos e formas de estritos cumprimentos da lei.

 

Diante do documento enviado pelo Promotor, o presidente Ezequiel ressalta que a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia realizará tudo o que for recomendado pelo Ministério Público, a fim de continuar exercendo a total transparência dos seus atos, cumprindo fielmente o que determina a Lei.

 

Dentro do prazo de dez dias úteis, recomendado pelo próprio MP, o presidente Ezequiel de Carvalhos Costa ajustará com o representante do Ministério Público o TAC, onde serão definidos os prazos para adequação do site. A Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia parabeniza o empenho e o trabalho fiscalizador do Ministério Público.”

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.