Padre Eraldo é investigado por suposta prática de improbidade administrativa

O órgão determinou de imediato que os procedimentos de coletas de documentos, certidões, perícias, inspeções e demais diligências fossem realizados.

Por Redação* | 29 de janeiro de 2019 às 3:21

Arquivo Radar Notícias

 

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE) instaurou inquérito civil para apurar supostas práticas de atos de improbidade administrativa do prefeito de Delmiro Gouveia, Eraldo Joaquim Cordeiro “Padre Eraldo”.

 

A informação foi publicada no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira, 28. O órgão determinou de imediato que os procedimentos de coletas de documentos, certidões, perícias, inspeções e demais diligências fossem realizados.

 

O documento publicado na matéria foi assinado pelo Promotor de Justiça Cláudio José Moreira Teles.

 

A publicação completa do estado está anexada na edição eletrônica do DOE/AL, especificamente na página “73” do Ministério Público.

 

Publicação:

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você acredita que os vereadores de Piranhas estão fazendo um bom trabalho?

    • Não (83%, 24 Votos)
    • Sim (17%, 5 Votos)

    Total de Votos: 29

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.