Casal é flagrado praticando ato sexual em imóvel abandonado em Delmiro Gouveia

Por | 10 de julho de 2024 às 10:32

Em um episódio que chamou a atenção da comunidade local, um casal foi flagrado praticando s3x0 oral em plena luz do dia na segunda-feira, 8, em um imóvel abandonado na Travessa Delmiro Gouveia, no centro da cidade. O caso foi registrado por um morador, que preferiu não se identificar, e segundo ele, atitudes como essa são comuns na área, especialmente durante a noite. No entanto, essa foi a primeira vez que o ato ocorreu durante o dia, o que gerou grande repercussão.

O vídeo, compartilhado inicialmente no Instagram por Delmiro Miserável, viralizou rapidamente, aumentando a indignação dos moradores. A equipe de reportagem do italotimoteo.com.br, que também recebeu as imagens, entrou em contato com a Polícia Civil para obter um posicionamento oficial sobre o caso.

De acordo com informações fornecidas pelos policiais do CISP, o caso ainda não era de conhecimento das autoridades e só foi registrado após o comunicado da imprensa. A Polícia Civil informou que abrirá um inquérito para investigar o ocorrido.

É importante destacar que o mesmo casal já foi flagrado por outras pessoas em locais públicos de Delmiro Gouveia, conforme relatos recebidos pela reportagem do IT após a viralização do vídeo.

Praticar ato sexual em via pública é tipificado como crime de ato obsceno, conforme o artigo 233 do Código Penal Brasileiro. Tal conduta pode resultar em detenção de três meses a um ano, ou multa. A penalização busca preservar a moralidade e o respeito aos espaços públicos.

Casos semelhantes já ocorreram no estado de Alagoas, como o registrado na praia de Ponta Verde, onde um casal foi flagrado em circunstâncias semelhantes. Naquela ocasião, a Polícia Civil conseguiu identificar o suspeito, que era turista e está respondendo pelo caso.

Se alguém tiver informações sobre os envolvidos denuncie pelo 181, seu anonimato será garantido.

Deixe aqui seu Comentário

Radar notícias © 2014 - 2024 Todos os direitos reservados.