Vereadores trocam graves acusações durante sessão ordinária em Água Branca

Confusão aconteceu na primeira sessão após o recesso.

Por Edson Alves | 10 de agosto de 2015 às 2:51

catsO clima ficou quente durante a volta dos trabalhos dos vereadores durante a sessão ordinária na Câmara Municipal de Água Branca/AL na tarde desta sexta feira (7).

 

Durante a apresentação de um requerimento solicitado pelo vereador Cargilson Lacerda (PC do B), pedindo ao governo municipal a prestação de contas das atrações do Festival de Inverno deste ano, dois vereadores solicitaram a palavra e começaram a trocar acusações.

 

O vereador Pedro Freire (PTB) abordou a colega,  a também vereadora Lurdinha do Sindicato (PP) pela ausência da mesma em quatro sessões ordinárias e a acusou de ter recebido dinheiro para apoiar o então candidato e hoje atual governador do Estado, Renan Filho (PMDB).

 

Ainda na sua fala, Freire acrescentou que a edil teria trazido a sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) para imóvel de sua propriedade sem nenhuma justificação para a população e garantiu que pedirá uma auditoria sobre o caso.

 

Lurdinha rebateu o colega chamando Freire de falso e irresponsável e que o desespero estava batendo na bancada governista.

 

Os ânimos ficaram mais acirrados quando o vereador perguntou a Lurdinha se ela queria que ele (Freire) provasse que ela havia recebido dinheiro de Renan Filho durante as eleições de 2014.

 

Logo após os momentos acalorados, a sessão seguiu normalmente sendo aprovado por 5 votos a 4 o requerimento de apresentação imediata da prestação de contas do Festival de Inverno de 2015 para a população Águabranquense.

 

Nossa equipe tentou um contato com os dois vereadores envolvidos na discussão, mas, não obtivemos êxito.

Deixe aqui seu Comentário

ENQUETE
  • Você está tomando os cuidados necessários para o coronavírus?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar notícias © 2014 - 2020 Todos os direitos reservados.